Home
Parque Nacional da Serra da Capivara
Júlia Morim
Consultora Fundaj/Unesco
Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

É no Piauí, estado do Nordeste brasileiro, onde se localiza o maior conjunto de sítios arqueológicos do continente americano: o Parque Nacional da Serra da Capivara, que compreende uma área de cerca de 129 mil hectares, espalhada pelos municípios de São Raimundo Nonato, São João do Piauí, Coronel José Dias e Canto do Buriti. Sua criação data de 5 de junho de 1979, por meio do decreto 83.548, da Presidência da República. Hoje, o Parque é uma unidade de conservação gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia fundada em 28 de agosto de 2007, como registra a Lei 11.516, e vinculada ao Ministério do Meio Ambiente.

No sudoeste do Piauí, a cerca de 500 km da capital Teresina, o Parque Nacional da Serra da Capivara é um vasto museu a céu aberto, tanto do ponto de vista de tudo que se refere ao clima e à geografia do semi-árido nordestino, como no aspecto da fauna e da flora específicas da caatinga. A área está localizada entre duas formações geológicas chamadas Bacia Sedimentar Piauí-Maranhão e Depressão do Médio São Francisco, compostas por vários tipos de rochas e mineiras. Séculos de transformação geraram uma paisagem de planaltos, chapadas, morros, serras, serrotes, planícies e canyons, o que dá ao Parque uma diversidade visual interessante.

Há, atualmente, cerca de mil espécies vegetais no local, segundo dados do Ministério do Meio Ambiente. Desse quantitativo, cerca de seiscentas espécies já foram catalogadas; 60% de toda a vegetação é exclusiva da caatinga. Já entre os animais que podem ser encontrados pelos visitantes nessa unidade de conservação, estão a onça pintada, a onça parda, o tatu-bola e o tamanduá-bandeira. A temperatura média do local é de 31º, podendo baixar para 22º nos meses mais chuvosos e frios e chegar até 47º no verão piauiense.

O que torna o Parque Nacional da Serra da Capivara tão importante no contexto da preservação ambiental do Brasil é sua relevância mundial: trata-se da principal concentração de pinturas rupestres das Américas. São mais de mil sítios arqueológicos cadastrados, que fornecem dados e informações sobre a ocupação humana na pré-História do continente americano. Além das pinturas rupestres, presentes em várias cavernas, os abrigos possuem outras manifestações gráficas e vários vestígios da presença do homem. Alguns desses vestígios remontam até a 60.000 anos atrás. Ao todo, a região abriga cento e setenta e três sítios arqueológicos abertos à visitação.

Tudo isso legitimou a inclusão do Parque na lista dos sítios classificados como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas pela Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em dezembro de 1991. Quatorze anos depois, em março de 2005, o Ministério do Meio Ambiente ampliou a área de proteção ao criar um mosaico de unidades de conservação, incluindo os parques nacionais Serra da Capivara e Serra das Confusões e o corredor ecológico conectando os dois parques. A área total do corredor ecológico compreende quatrocentos e quatorze mil hectares e abrange os municípios de São Raimundo Nonato, Canto do Buriti, Tamboril do Piauí, Brejo do Piauí, São Braz, Anísio de Abreu, Jurema, Caracol e Guaribas.

Uma visita completa aos circuitos abertos à visitação pode durar até seis dias e deve ser feita com a presença obrigatória de um guia ou condutor. Os locais vão do Sítio do Boqueirão da Pedra Furada, onde foram feitas as primeiras escavações arqueológicas, passam pela formação geológica da Pedra Furada, que é um dos símbolos do Parque, e pelo Sítio do Meio até chegar ao baixão da Pedra Furada, onde se tem acesso ao canyon de formações areníticas. É possível visitar, ainda, o Desfiladeiro da Capivara, o Baixão da Vaca e a Toca do Paraguaio, os circuitos do Veredão, da Chapada e da Jurubeba e da Serra Branca. No Baixão das Andorinhas, um grande desfiladeiro se transforma em cenário para o espetáculo do retorno das aves ao final da tarde. Todos os circuitos possuem escadas, passarelas e acesso para pessoas com deficiência de locomoção.

O Parque Nacional da Serra da Capivara se complementa com o Museu do Homem Americano, sediado desde 1986, em São Raimundo Nonato. Lá, podem ser vistos peças cerâmicas, urnas funerárias e material lítico que resultaram de escavações feitas no Parque pela arqueóloga Niéde Guidon, hoje à frente da Fundação do Museu do Homem Americano. O trabalho de Niéde foi fundamental para lastrear a tese de que os primeiros homens a habitar a América estiveram no continente há muito mais tempo do que sempre se pensou. De acordo com Niède, “a Serra da Capivara é um lugar único no mundo. Os homens que aqui viveram há cem mil anos deixaram marcas de sua passagem e permitiram descobertas que mudaram completamente as ideias sobre a origem e antiguidade do homem americano”. (DESCOBERTAS..., 2013).

Para chegar ao Parque Nacional da Serra da Capivara e ao Museu do Homem Americano, partindo de Pernambuco, o melhor caminho é seguir de avião até Petrolina, no sertão pernambucano, e de lá percorrer cerca de 300 km até São Raimundo Nonato. Quem for de carro, tomando o mesmo ponto de partida, pode se deslocar pela BR-343 até Floriano e, depois, pegar a PI-140 até São Raimundo Nonato. 

Recife, 27 de maio de 2014.

FONTES CONSULTADAS:
 
BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. Unidade de Conservação: Parque Nacional da Serra da Capivara. In: RELATÓRIO Parametrizado – Unidade de Conservação. 27 maio 2014. Disponível em:
<
http://sistemas.mma.gov.br/cnuc/index.php?ido=relatorioparametrizado.
exibeRelatorio&relatorioPadrao=true&idUc=145
>.
 Acesso em: 27 maio 2014.

DESCOBERTAS de brasileira mudaram a história da ocupação das Américas. In: GLOBO News. 3  fev. 2013. Disponível em:
<
http://g1.globo.com/globo-news/noticia/2013/02/
descobertas-de-brasileira-mudaram-historia-de-ocupacao-das-americas.html
>.
Acesso em: 26 maio 2014.       

FUNDAÇÃO do Homem Americano. Parque Nacional da Serra da Capivara. Disponível em: 
<
http://www.fumdham.org.br/parque.asp>. Acesso em: 20 maio 2014.   

______. Patrimônio Cultural. Disponível em:
<
http://www.fumdham.org.br/pcultural.asp>. Acesso em: 20 maio 2014.   

______. Patrimônio Natural. Disponível em:
<
http://www.fumdham.org.br/pnatural.asp>. Acesso em: 20 maio 2014.   

INSTITUTO Chico Mendes. Parna da Serra da Capivara. Disponível em: 

______. Parque Nacional da Serra da Capivara. Disponível em: 
<
http://www.icmbio.gov.br/portal/o-que-fazemos
/visitacao/ucs-abertas-a-visitacao/199-parque-nacional-da-serra-
da-capivara.html
>. Acesso em: 20 maio 2014.

COMO CITAR ESTE TEXTO:

Fonte: MORIM, Júlia. Parque Nacional da Serra da Capivara. Pesquisa Escolar Online, Fundação Joaquim Nabuco, Recife. Disponível em:
<http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar/>. Acesso em: dia mês ano. Ex: 6 ago. 2009.
 

Busca "Palavra-chave"

Busca "A a Z"


Copyright © 2019 Fundação Joaquim Nabuco. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido pela Fundação Joaquim Nabuco