Home
Lula Vassoureiro: artesão das máscaras dos papangus de Bezerros
Cláudia Verardi
Bibliotecária - Analista em C&T da Fundação Joaquim Nabuco
Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.
 
 
 
Amaro Arnaldo do Nascimento nasceu em Bezerros, no agreste de Pernambuco, no dia 02 de novembro de 1944.
 
Em sua cidade ninguém o conhece por seu nome de batismo e sim por Lula Vassoureiro, apelido que herdou do avô que no início do século 20 era famoso pela confecção de vassouras na cidade. O pai também era chamado de Zé Vassoureiro, mas não gostava do apelido. A coincidência é que até a rua que eles moravam se chamava “Rua das Vassourinhas”.
 
A paixão pelo carnaval foi herdada de seu pai, José Arnaldo do Nascimento, folião nato, que não perdia nenhum bloco de rua durante o Carnaval.
 
Lula Vassoureiro, seguindo os passos do pai, ainda criança, por volta dos seis anos de idade começou a fabricar máscaras para ajudar a sustentar a família, portanto, não teve tempo para frequentar a escola.
 
Na história do Papangu, as máscaras mais representativas são as produzidas de maneira rústica por Lula Vassoureiro.. O mestre Lula já produziu máscaras de todos os tamanhos, algumas delas alcançam mais de dois metros de altura.
 
As máscaras produzidas por Lula vassoureiro chamadas de “papangus” são o símbolo do carnaval da cidade de Bezerros.
  
A maneira de fazer as máscaras muito coloridas e com diversas feições é bem rústica, O artista usa pedaços de folha de jornais, água, cola branca, grude, tinta acrílica, ou seja, “papel machê”. 

O Mestre artesão que se dedica ao artesanato a mais de cinquenta anos, recebeu em 2013 o título de Patrimônio Vivo pelo Governo de Pernambuco.

Em seu atelier, o mestre realiza também oficinas para crianças, jovens e adultas, contribuindo assim, de acordo com Costa Neto (2018?) para a perpetuação do ofício e saberes envolvidos na criação das máscaras. Sua atuação, portanto, está diretamente ligada ao Carnaval e a cultura da cidade.  
 
Toda a trajetória do artesão somada ao seu talento já renderam inúmeros prêmios e participações em feiras e exposições no Brasil e no Exterior. Já levou suas peças para os Estados Unidas, França, Canadá e Etiópia.

Lula Vassoureiro é uma figura muito conhecida em Pernambuco e ocupa uma das vagas de mestre na famosa FENEARTE (Feira Nacional de Negócios e Artesanato).
 
 
 
Recife, 03 de agosto de 2018. 
 
 



FONTES CONSULTADAS:
 
 
 
 
Lula Vassoureiro é Patrimônio Vivo de Pernambuco. Disponível em: <http://www.bezerros.pe.gov.br/noticia.php?pg=&id=573>. Acesso em: 03 ago. 2018.
 
 
LULA Vassoureiro [Foto neste texto]. Disponível em: <http://www.bezerros.pe.gov.br/noticia.php?pg=&id=573>. Acesso em: 03 ago. 2018.
 
 
PAMPOLHA, Larissa. 2017. Mestres Artesãos - Nordeste: Lula Vassoureiro. Disponível em: <https://www.fuchic.com.br/single-post/2017/09/29/Lula-Vassoureiro>. Acesso em: 03 ago. 2018. 
 
 
Título de Patrimônio Vivo é dado ao artesão Lula Vassoureiro, de Bezerros. Disponível em: <http://g1.globo.com/pe/caruaru-regiao/noticia/2014/01/titulo-de-patrimonio-vivo-e-dado-ao-artesao-lula-vassoureiro-de-bezerros.html>. Acesso em 03 ago. 2018.
 
 




 
COMO CITAR ESTE TEXTO:
 
 
 
 
Fonte: VERARDI, Cláudia Albuquerque. Lula Vassoureiro: mestre artesão das máscaras dos papangus de Bezerros. Pesquisa Escolar Online, Fundação Joaquim Nabuco, Recife. Disponível em: <http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar/>. Acesso em: dia mês ano. Ex. 6.ago.2009.
 

Busca "Palavra-chave"

Busca "A a Z"


Copyright © 2019 Fundação Joaquim Nabuco. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido pela Fundação Joaquim Nabuco