Home
Remédios populares
 
A flora brasileira, que possui plantas de quase todas as espécies e climas, é muito pródiga, ajudando a homem a combater os males que perturbam sua saúde.


Antes da existência da indústria farmacêutica, que no Brasil só aconteceu no início do século XX, o homem sempre procurou alívio nas qualidades terapêuticas de determinadas plantas consideradas medicinais .

Os laboratórios farmacêuticos continuam usando diversas plantas na fabricação da maior parte dos remédios consumidos no mundo. A Suíça, por exemplo, onde existem grandes laboratórios fabricantes de medicamentes, sempre importou plantas medicinais brasileiras.

Os remédios são usados na medicina popular em forma de chá, xarope, lambedor, compressa, emplastro, cataplasma, gargarejo, bochecho.

Alguns exemplos de doenças e indicações de cura através da utilização de remédios populares:

AFTA ou SAPINHO (afta de criancinhas) 

bochecho com o cozimento da casca da romã (no caso de adultos);
. chá de alfavaca;
. passar lambedor de malva-rosa;
. passar mel de uruçu ou um pedaço de carne verde crua.

AMEBA 

chá de semente de alho;
. lambedor da folha de hortelã-da-folha-miúda ou da folha demastruço;
. chá de hortelã-da-folha-miúda com mel-de-abelha;
. chá de ipecacuanha.

APENDICITE 

chá da raiz de maliça;
. chá de aroeira;
. chá de capim roxo;
. chá da raiz de camapu.

ANEMIA

suco de cenoura;
. suco de beterraba;
. xarope de agrião (250 gramas do sumo, uma clara de ovo e 350 gramas de açúcar);
. chá da raiz de jurubeba;
. cará com mel-de-engenho;

ASMA (cansaço-do-peito, piado ou puxado) 

chá ou lambedor de alho branco;
. chá do mangará da bananeira;
. chá da semente de girassol;
. chá de folha de alecrim;
. chá da flor do mamoeiro macho
. mel-de-abelha uruçu com gema de ovo;
. lambedor da casca de angico;
. chá de lesma torrada.

BICHO-DE-PÉ 

encher a cavidade com sarro de cachimbo ou com rapé (fumo);
. pingar creolina;
. colocar sabão amarelo.

CÁLCULOS RENAIS (pedras-nos-rins) 

chá de quebra-pedra;
. chá de rama de batata-doce;
. chá da folha da caramboleira;
. chá de alpiste.

CALO . colocar no local uma rodela de tomate;
. pingar vela em cima;
. passar cera-de-ouvido;
. pingar leite de avelós;
. friccionar com sumo de alho;

CASPA 

avar a cabeça com raspa de juá de três em três dias;
. esfregar o couro cabeludo com limão;
. lavar a cabeça com água de coco seco;

DIABETES 

chá de carambola, que diminui a taxa de açúcar no sangue;
. chá da flor do sabugueiro;
. tomar coalhada com limão;
. chá de três folhas do olho da goiabeira-da-china (goiaba branca).

DOR-DE-BARRIGA 

chá da flor de macela;
. chá da raiz de ipecacuanha;
. chá das folhas novas da goiabeira;
. chá de capim-santo;
. chá de erva-cidreira;
. chá de moela de galinha;
. comer banana prata verdosa;
. comer um pedaço de macaxeira branca crua.

ENXAQUECA 

chá de semente de cravo;
. chá de boldo;
. chá de erva-doce;
. chá de castanha verde de caju;
. tomar café com dois dentes de cravo-do-reino.

FEBRE 

chá de eucalípto;
. chá de erva-cidreira;
. chá da casca do cajueiro;
. chá de alho, bem forte.

TOSSE

chá da flor cravo-de-defunto;
. lambedor da casca de jatobá;
. lambedor de sabugueiro;
. chá das folhas de hortelã;
. chá de gengibre.
. uma colher de mel-de-abelha uruçu, algumas vezes durante o dia.

 

Recife,  11 de julho de 2003.

(Atualizado em 31 de agosto de 2009).

 

FONTES CONSULTADAS:

SOUTO MAIOR, Mário. Remédios populares do Nordeste. Recife: FJN. Ed. Massangana, 1986.

COMO CITAR ESTE TEXTO:

 

Fonte: GASPAR, Lúcia. Remédios populares. Pesquisa Escolar Online, Fundação Joaquim Nabuco, Recife. Disponível em: <http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar/

>. Acesso em: dia  mês ano. Ex: 6 ago. 2009.

 

Busca "Palavra-chave"

Busca "A a Z"


Copyright © 2019 Fundação Joaquim Nabuco. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido pela Fundação Joaquim Nabuco