Erro
  • DB function failed with error number 1142
    CREATE command denied to user 'pe_user'@'localhost' for table 'jos_vvisitcounter' SQL=CREATE TABLE IF NOT EXISTS jos_vvisitcounter ( id int(11) unsigned NOT NULL AUTO_INCREMENT, tm int NOT NULL, ip varchar(16) NOT NULL DEFAULT '0.0.0.0', PRIMARY KEY (`id`) ) ENGINE=MyISAM AUTO_INCREMENT=1;
  • DB function failed with error number 145
    Table '.\pesquisaescolar\jos_vvisitcounter' is marked as crashed and should be repaired SQL=INSERT INTO jos_vvisitcounter (id, tm, ip) VALUES ('', '1660754222', '35.168.110.128')
  • DB function failed with error number 145
    Table '.\pesquisaescolar\jos_vvisitcounter' is marked as crashed and should be repaired SQL=SELECT MAX(id) FROM jos_vvisitcounter
  • DB function failed with error number 145
    Table '.\pesquisaescolar\jos_vvisitcounter' is marked as crashed and should be repaired SQL=SELECT COUNT(*) FROM jos_vvisitcounter WHERE tm >= '1660705200'
Home
Farol Salinópolis, PA
Ter, 30 de Março de 2010 12:27

Semira Adler Vainsencher

Pesquisadora da Fundação Joaquim Nabuco

Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

 

 

A inauguração do primeiro farol, que foi construído na foz do rio Pará, data de março de 1852. Tratava-se de uma torre de alvenaria, revestida de tijolos vidrados brancos, e que media 12,50 metros de altura. De acordo com a documentação da época, o alcance luminoso do seu aparelho dióptrico era de 17 milhas náuticas.

 

Treze anos depois, contudo, a erosão marítima destruiu o farol. Devido à falta de pessoal técnico, somente em 1916, o município de Salinópolis pôde receber a nova obra. O farol, construído a 80 metros do anterior, possuía uma torre dos sistema Mitchel, com 50 metros de altura, e apresentava um tubulão central e estais laterais.

 

Mas o avanço do mar não tardou a destruir a nova construção. A próxima torre do farol, no entanto, estava localizada em Apeú. Para desmontá-la em seu local de origem e montá-la em Salinópolis, foram necessárias quatro viagens por mar, de 15 dias cada uma delas, a fim de serem transportadas as 140 toneladas de material. O responsável por toda essa operação foi o engenheiro francês Désiré Potárt.

 

O Farol Salinópolis destaca-se bastante na área urbana do município. Possui 39 metros de altura e representa a última torre do sistema Mitchel que foi montada no Brasil.

 

 

 

Recife, 30 de agosto de 2004.

(Texto atualizado em 25 de março de 2008).

 


 

 

FONTE CONSULTADA:

 

 

SIQUEIRA, Ricardo. Luzes do novo mundo; história dos faróis brasileiros. Fotos Ricardo Siqueira; texto Ney Dantas. Rio de Janeiro: O Autor, 2002.

 

 


 

COMO CITAR ESTE TEXTO:

 

 

Fonte: VAINSENCHER, Semira Adler. Farol Salinópolis, PA. Pesquisa Escolar Online, Fundação Joaquim Nabuco, Recife. Disponível em: <http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar/>. Acesso em: dia  mês ano. Ex: 6 ago. 2009.
                                       

 

Copyright © 2022 Fundação Joaquim Nabuco. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido pela Fundação Joaquim Nabuco